Revista eletrônica de investigações filosófica, científica e tecnológica

ISSN 2358-7482

 

Julho/2020, Ano VI, Volume VI, Número XIX

 

Literatura Surda: uma experiência com a escrita de sinais

         

         Publicado Julho/2020

 

 

Dilcinéa dos Santos Reis

Professora da Rede Municipal de Alagoinhas

 

Lícia Maria Barbo

Professora da Universidade do Estado da Bahia

 

Resumo

O presente trabalho tece considerações acerca da literatura surda. Expõe a importância da realização de atividades em Escrita de Sinais (Sign Writing) em salas de aula como auxílio à fomentação da cultura surda. A referida pesquisa se fundamenta em estudos da cultura, comunidade e identidade surdas, percorrendo teóricos voltados aos estudos culturais, bem como as ciências sociais. A conclusão desse trabalho resultou em uma afirmação relacionada à importância de estimular a produção e divulgação de literaturas surdas.

Palavras-chave: literatura surda; Sign Writing, identidade surda; cultura surda.

 

Resumo

La nuna verko faras konsiderojn pri la surda literaturo. Ĝi eksponas la gravecon efektivigi agadojn en subskriba redaktado en klasĉambroj kiel helpo al la antaŭenigo de surda kulturo. Ĉi tiu esplorado baziĝas sur studoj pri surda kulturo, komunumo kaj identeco, kovrantaj teoriojn enfokusigitajn sur kulturaj studoj, kaj ankaŭ sociaj sciencoj. La konkludo de ĉi tiu laboro rezultigis deklaron ligitan al la graveco stimuli la produktadon kaj disvastigon de surda literaturo.

Ŝlosilvortoj: Surda literaturo; Signoskribo, Surda identeco; Surda kulturo.

 

Abstract

The present work makes considerations about the deaf literature. It exposes the importance of carrying out activities in Sign Writing in classrooms as an aid to the promotion of deaf culture. This research is based on studies of deaf culture, community and identity, covering theorists focused on cultural studies, as well as social sciences. The conclusion of this work resulted in a statement related to the importance of stimulating the production and dissemination of deaf literature.

Keywords: deaf literature; Sign Writing, deaf identity; deaf culture.

 

Biografia do autor

Dilcinéa dos Santos Reis

Mestranda em Crítica Cultural – UNEB, Especialista em Libras, Especialista em Educação Especial, Especialista em Tradução e Interpretação em Libras, Graduação em Pedagogia - Faculdade Santíssimo Sacramento - (F.S.SS - 2007), Graduação em Matemática ( UNEB - 2013), Graduação em Letras/Libras (UFPB - 2016). Professora da Rede Municipal de Alagoinhas - Professora de Surdos, professora de Matemática, e Professora da UNIRB (Faculdade Regional da Bahia). Possuo experiência profissional na área de Educação Especial, com Ênfase na Surdez, Libras, Educação de Jovens e Adultos, Alfabetização e Letramento, Práxis Pedagógica, História da Cultura Afro e Indígena, História da Educação, Estágio Supervisionado e Ensino de Língua Portuguesa como Segunda Língua para Surdos, Ensino da Matemática I e II. 

 

Lícia Maria Barbosa

Doutora em Estudos Étnicos e Africanos pelo Pós Afro/UFBA, (2013), Mestre em Sociologia pela Universidade Federal da Bahia (1999), Graduação em Ciências Sociais pela Universidade Federal da Bahia (1995). É professora da Universidade do Estado da Bahia, com atuação no Programa de Pós-graduação em Crítica Cultural - PÓS-CRÍTICA. Pesquisadora do Grupo de Pesquisa Território, Cultura e Ações Coletivas (TECEMOS/UNEB/CAMPUS XI). Coordenando a linha de pesquisa: Cultura, Identidades e Corporeidades e membro do grupo de pesquisa Iraci Gama, na linha Letramento, Identidades e Formação do Professor do PPG em Crítica Cultural/UNEB/CAMPUS II. Membro do Instituto Ceafro/ ICEAFRO: Educação para a Igualdade Racial e de Gênero. Tem experiência na área de sociologia e antropologia, atuando principalmente nos seguintes temas: relações raciais e de gênero, identidades, geração, mulheres negras, hip-hop, feminismos, relações étnico-raciais, de gênero e educação, história e cultura afro-brasileira e africana. 

 

REFERÊNCIAS

 

COELHO, N. N. A Literatura Infantil. São Paulo: Quiron, 1981.

 

______. Literatura infantil: teoria, análise, didática. São Paulo: Ática, 1991.

 

ECO, U. Sobre a literatura. Rio de Janeiro: Record, 2003.

 

FERREIRA BRITO, L. Integração social & educação de surdos. Rio de Janeiro: Babel, 1993.

 

GAGLIARDI, E. Trabalhando com os gêneros do discurso: narrar: conto de fadas/ Eliana Gagliardi, Heloisa Amaral. São Paulo: FTD, 2001, (Coleção Trabalhando com os gêneros do discurso).

 

HESSEL, C.; ROSA, F.; KARNOPP, L. Cinderela Surda. Canoas: Ed. ULBRA, 2003.

 

LAJOLO, M. O que é literatura. 8. ed. São Paulo. Brasiliense. 1987.

 

LAKATOS, E. M. Fundamentos de metodologia científica. 4.ed. São Paulo. Atlas, 2001.

 

QUADROS, R. M de. Educação de Surdos. Porto Alegre: Artes Médicas, 1997.

 

QUADROS, R.; KARNOPP, L. Língua de Sinais Brasileira – estudos lingüísticos. Artes Médicas, 2004.

 

SANTANA. A. P. BERGAMO. Alexandre. Cultura e identidade surdas: Encruzilhadas de lutas sociais e teóricas. Edu. Campinas. 2005.

 

STUMPF, I. R. Funções da biblioteca escolar. Cadernos do CED, Florianópolis, v. 4, n. 10, p. 67-80, jul./dez. 1987.

 

TRUJILLO FERRARI, A. Metodologia da Pesquisa Científica. São Paulo. McGraw-Hill, 1982.

GPFCT - IFPR

Grupo de Pesquisas Filosofia, Ciência e Tecnologias

INSTITUTO FEDERAL DO PARANÁ - IFPR

Instituto Federal do Paraná Av. Cívica, 475 - Centro Cívico - Assis Chateaubriand - PR/ BR - CEP.: 85.935-000


​Telefone : 44-98813-1127

Email : jose.provetti@ifpr.edu.br

FIQUE POR DENTRO

Inscrições abertas:

Grupo de estudos filosóficos

IF-Sophia - Assis Chateaubriand

 

 

EVENTOS

 

IF-Sophia - Assis Chateaubriand


© 2014 Grupo de Pesquisas Filosofia, Ciência e Tecnologias - IFPR.

Orgulhosamente criado por Wix.com

  • unnamed
  • YouTube Social  Icon
  • s-facebook
  • Twitter Metallic
  • s-linkedin